O que decide o sucesso nas vendas em marketplace?

market place

Em busca de aumentar a visibilidade de seus produtos, é cada vez maior o número de lojistas que vendem em marketplaces. Consequentemente, a concorrência também aumenta e destacar-se dentro dos canais torna-se ainda mais desafiador.

É por isso que uma boa gestão em marketplaces é fundamental para ter sucesso nestes canais. Para isso, existem alguns fatores decisivos que não podem ser ignorados por nenhum vendedor. A seguir, listamos os principais pontos que podem ajudar o seller a conquistar bons resultados e aumentar o faturamento da sua loja.

Use um Hub de Integração com marketplaces

Conforme você explora novos canais, a gestão da operação fica mais desafiadora. Afinal, será preciso atender pedidos, controlar estoque, cumprir com as questões burocráticas e despachar produtos em mais de um marketplace.

Se o lojista não contar com o apoio da tecnologia, as chances são grandes de algum detalhe passar despercebido e a experiência do cliente ser prejudicada. Com um hub de integração é possível centralizar a gestão entre os diferentes canais. Ou seja, você controla seus produtos e pedidos em único painel, podendo inclusive automatizar processos como a emissão e impressão de etiquetas de envio.

Um hub mantém o seu negócio organizado e te dá agilidade na execução dos processos. Com essa ferramenta você cometerá menos erros, será mais produtivo e ganhará tempo para elaborar estratégias de vendas nos marketplaces.

 Explore diferentes marketplaces

O cenário de marketplaces no Brasil conta com bastante representantes. Temos gigantes do comércio eletrônico que abrem seus canais para outros vendedores, como é o caso do Magazine Luiza, B2W e Via Varejo, por exemplo.

Isso significa que um vendedor não pode limitar-se a um único marketplace. Sempre valerá a pena cadastrar-se em diferentes canais e engajar-se em cada um deles para aumentar a visibilidade dos produtos.

Mais do que isso, é preciso conhecer cada um dos marketplaces, entender quais são suas particularidades e criar uma estratégia para crescer em cada canal. Isso exige tempo e planejamento, mas os resultados compensam o esforço

 Publique anúncios de qualidade

A publicação de anúncios é a melhor forma que um lojista tem para se destacar de seus concorrentes dentro do marketplace. É essencial ler as regras e recomendações de cada canal e cumprir requisitos básicos como:

  • Preencher corretamente informações como SKU e EAN.
  • Criar um título atrativo e usar palavras-chaves estratégicas.
  • Criar descrições completas e que não deixem dúvidas.
  • Prestar atenção em atributos e variações dos produtos.
  • Usar boas imagens, seguindo as recomendações do marketplace.

Para não ter problemas na gestão de estoque e de produtos, é muito importante que todas as informações – principalmente SKU e EAN – sejam iguais entre os diferentes marketplaces.

 Atente-se à gestão de pedidos

Uma vez que você concretiza uma venda e recebe o pedido, existe uma série de etapas a cumprir. O uso de ferramentas com um HUB e um ERP pode ser fundamental para executar essas atividades com agilidade, principalmente quando o volume de vendas aumenta.

Você provavelmente precisará emitir nota fiscal em cada venda, por exemplo. Fazer isso de forma manual pode ser totalmente inviável com um alto volume de pedidos. Por outro lado, com um ERP integrado a um hub, você realiza esse processo em poucos cliques.

Também será necessário gerar e imprimir a Etiqueta de Envio do pedido. A maioria dos marketplaces possuem serviços de logística, o que significa que você precisará resgatar essa etiqueta no próprio marketplace. 

Novamente, esse processo pode ser feito de forma manual, acessando sua conta em cada um dos canais. Porém, com um hub é possível filtrar pedidos, gerar etiquetas rapidamente e pular etapas. Quem vende em mais de um marketplace precisa centralizar as etapas de gestão em um único local, para evitar a improdutividade de realizar os processos separadamente em cada marketplace.

Por fim vem a separação de produtos. Esse é um dos processos que gera mais prejuízos aos vendedores de marketplace, uma vez que a probabilidade de separar uma variação incorreta é alta. Existem diferentes métodos para agilizar a separação de estoque evitando erros e prejuízos. Dentre eles é possível destacar o picking & packing, maneira eficaz de conferir os produtos e variações e se certificar que está tudo certo. 

Conseguir automatizar e otimizar ao máximo essas atividades é fundamental para melhorar o desempenho nos marketplaces. 

Faça um bom controle de estoque

O controle de estoque é um dos principais desafios para quem vende em marketplaces, principalmente para os vendedores que utilizam mais de um canal.

É fundamental que seu estoque esteja sincronizado nos diferentes marketplaces e no seu ERP. Caso contrário, os riscos são grandes de você cometer algum erro, como vender um produto sem ter ele no estoque, gerando uma punição no marketplace.

Nesse aspecto não há como fugir da tecnologia: você vai precisar de um programa para controle de estoque ou de um hub com essa funcionalidade. Controlar o estoque por meio de planilhas ou pior, não controlar, é um risco que nenhum lojista que pretende aumentar o volume de vendas em marketplaces pode assumir.

Fazer uma boa gestão de estoque também é fundamental para entender quando negociar com seu fornecedor, conseguir criar melhores estratégias de negociação e ter uma visualização mais ampla de toda a operação.

Entenda e dispute buy box

A precificação em marketplaces é um dos fatores de maior atenção para o lojista. Ter um preço melhor do que o dos concorrentes é importante para ganhar espaço na buy box, ferramenta usada por vários marketplaces para destacar os melhores anúncios entre os vendedores de um determinado produto.

No entanto, o preço é apenas um dos quesitos observados pelos marketplaces para a disputa de buy box. Fatores como a reputação do vendedor também entram no cálculo dos marketplaces. Pensando em tudo que foi listado acima, é possível compreender o quanto cada melhoria de gestão pode impactar na sua reputação dentro do marketplace. 

Como você pode perceber, diversos fatores podem fazer a diferença para alcançar um bom desempenho em marketplaces. Mas todos eles passam por estudar cada etapa do seu negócio e contar com o apoio da tecnologia.  

por Melqui Sodré, CEO da Venda.la